Vindi no Vale do Silício

Vou levar a Vindi para o Vale do Silício. O anúncio foi feito hoje. A empresa que fundei em 2013 com mais duas pessoas, foi selecionada para o programa Techmission – da Brazil Innovators, que é uma das redes de empreendedorismo mais influentes no mundo. Vou levar uma empresa que acaba de completar um ano de vida.

Golden Gate Bridge
Golden Gate: símbolo de SF, sonho de empreendedores.

O Techmission 2014 selecionou 13 empreendedor de Alto Impacto no Brasil, eu fui um deles. Tem gente boa pra caramba lá.

Na mídia

Pagamento.me: http://pagamento.me/tres-inovadores-brasileiros-sao-mercado-de-pagamentos/

Pequenas Empresas Grandes Negócios: http://revistapegn.globo.com/Noticias/noticia/2013/12/dois-ex-executivos-criam-plataforma-para-pagamentos-recorrentes.html

Startupi: http://startupi.com.br/2013/09/vindi-novo-player-no-mercado-para-gestao-da-carteira-de-assinantes/

Globo.com: http://g1.globo.com/tecnologia/blog/startup/post/elefante-verde-vaivolta-moip-veja-os-13-empreendores-que-irao-ao-vale-do-silicio.html

Baguete: http://www.baguete.com.br/noticias/28/07/2014/techmission-startups-no-silicon-valley

Techtudo: http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2014/07/brazil-innovators-leva-13-startups-tech-brasileiras-para-o-vale-o-silicio.html

The Next Web: http://thenextweb.com/la/2014/04/03/march-latin-america-tech-news-shouldnt-miss-past-month/

Um dos grandes motivos desse projeto é aproximar empreendedores que impactam o ambiente empreendedor no Brasil. Estou feliz, é um baita reconhecimento. Trabalhei pra caramba. Mas é mérito das pessoas que fazem comigo a empresa todos os dias. Um dos grandes desafios para criar algo sustentável que seja promissor, é contar com pessoas que realmente valem à pena, esse é o segredo para qualquer empresa na verdade. Ter gente boa é sinônimo de prosperidade: contratos virão, parcerias vão acontecer e clientes vão ficar. Esse é um conselho valioso: tenha pessoas do seu lado, que vão te seguir, independente de onde for.

Outro grande conselho que posso dar a quem vai empreender e precisa conquistar pequenos espaços com suas ideias, é sempre enxergar os sinais que te dão pelo caminho. Quando eu recebia algum, eu acelerava o processo. Quando me falam algo que eu via que era claramente um sinal, eu vou mais firme. Não sou uma pessoa teimosa, quando analiso sinais: tanto para bons quanto para negativos. Por aqui (no ambiente empreendedor) as pessoas falam de “validar a ideia”.

Estar no Vale do Silício, num projeto como esse, depois de um ano (12 meses exatos) de fundação da minha 3a startup foi possível pelas pessoas que convenci largar empregos, acreditar na Vindi e também ter sangue no olho suficiente para conquistar comigo. Esse espaço que separo para escrever sobre empreendedorismo, que é o “Por trás da Startup” é um canal sem blá blá blá. Por trás dele temos muito suor, lágrimas e conquistas, que é na verdade a verdadeira síntese de ser empreendedor no Brasil: suor, lágrimas e conquistas.

Quer saber mais?

Startupi, PEGN

PS: Agora se você é desses que quer saber o que fiz de fato, sem blá blá blá eu falo: Virei empreendedor. Larguei emprego, comodismo e alto salário. Ouvi de muitos que era “louco” e agradeci o elogio, um por um. Fui testado, desafiado e ainda assim fui em frente. Bati portas, plantei oportunidades e me ferrei mais vezes do que do que me dei bem.

Quando me perguntam como foi, eu digo: “como foi não, como está”.

Você vai gostar também

Projeto Draft – a economia da recorrência O Projeto Draft me presenteou com mais texto falando sobre a principal bandeira que levanto nos últimos dois anos, com um texto da Isabela Mena para e...
Startups brasileiras que (de fato) resolvem proble... A palavra startup anda em alta, mas muitas vezes acaba caindo na banalização do empreendedorismo. Todo jovem quer ser um dono de uma startup e ficar r...
Mundo API (Entrevista) O pessoal do Mundo API, me convidou para falar sobre a importância das integrações de pagamento para o mercado brasileiro. O portal tem como principal...
O Investimento (em Startups) pode ser o vilão. Escrevi um texto no Medium, que trata a questão das startups irem atrás de investimento. O Grande motivo do texto é alertar para o perigo envolvendo o...
  • Camilo Lopes

    Rodrigo, sem palavras. Você merece de verdade. Acompanho sua trajetoria há muito tempo, e é uma das pessoas que de fato posta sempre conteúdo relevante sem bla bla. E tenho como referência. Por acaso conheci seu trabalho em um momento que tomei a decisão de largar meu emprego, o conforto, a “segurança” e alto salario para me dedicar a minha terceira start-up. Parabéns de verdade. Quando puder usecash.com.br
    abraços,

    • Oi Camilo, obrigado pelas palavras e pela visita. Muito bom ter essa visão sua. Quanto ao USECASH, já estou de olho, rs (no bom sentido). Gostei da ideia…Grande abraço!

      • Camilo Lopes

        opa Rodrigo,
        Obrigado pelo feedback. Estamos ai na luta :). Em breve vamos está no ar. Nada de balas ou chicletes como troco :D.

  • Parabéns Rodrigo e boa sorte nesse novo desafio! Espero em breve nos encontrarmos por lá.